"... Ama-se pelo cheiro, pelo mistério, pela paz que o outro lhe dá, ou pelo tormento que provoca..."

Pessoal, clique em READ MORE para ler os posts completos,ok?

TRAÇAS E CIA: "Fiquei com seu número"

Voltei!
Duas postagens em uma semana??
Há muito tempo isso não acontecia por aqui.
Depois de ler 50 tons, algumas amigas se juntaram em um grupo para falar do livro e desse assunto passamos para a trilogia Crossfire e dela para vários outros livros.
A lista já está mega gigante e o papo por lá não acaba.
Muito legal como pessoas tão distantes geograficamente podem estar tão próximas no dia-a-dia.
Enquanto elas leem os livros hots, eu li "Fiquei com seu número" (meus livros hots acabaram, rss).


Fiquei com o seu número - Sophie Kinsella

Sinopse:
A jovem Poppy Wyatt está prestes a se casar com o homem perfeito e não podia estar mais feliz... Até que, numa bela tarde, ela não só perde o anel de noivado (que está na família do noivo há três gerações) como também seu celular. Mas ela acaba encontrando um telefone abandonado no hotel em que está hospedada. Perfeito! Agora os funcionários podem ligar para ela quando encontrarem seu anel. Quem não gosta nada da história é o dono do celular, o executivo Sam Roxton, que não suporta a ideia de haver alguém bisbilhotando suas mensagens e sua vida pessoal. Mas, depois de alguns torpedos, Poppy e Sam acabam ficando cada vez mais próximos e ela percebe que a maior surpresa da sua vida ainda está por vir.


Minha opinião:

O livro é ótimooooo!!!

Bem o estilo da Sophie mesmo, que é bastante divertido. À medida que vamos lendo, percebemos que a Poppy mantém o estilo Becky de ser, ou seja, se mete em várias confusões do começo ao fim do livro.
Mas muitas vezes, a deixamos em segundo plano e queremos mais é que o Sam apareça na história.
Pode ter certeza, você chega ao final do livro apaixonada por ele.
Até o último minuto de leitura passamos pelo humor, ansiedade, vontade de levar o Sam pra casa e raiva da autora, já que nem sempre a história segue o caminho que gostaríamos.
Poppy e Sam, apesar de se conhecerem pouquíssimo e praticamente só conversarem pelo telefone, aprendem muito um com o outro. Ela aprende a ser mais direta e ele mais carinhoso.
Adorei a leitura! Vale a pena experimentar!

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pela visitinha.
Vou adorar um recadinho seu.
Ah, vai... deixa um "oi"! rs
Só clicar aí acima em "postar um comentário".
beijos

Quem passa por aqui!

Por onde passei...


Visualizar Por onde passei... em um mapa maior

  © NOME DO SEU BLOG

Design by Emporium Digital