"... Ama-se pelo cheiro, pelo mistério, pela paz que o outro lhe dá, ou pelo tormento que provoca..."

Pessoal, clique em READ MORE para ler os posts completos,ok?

Cinema: "Imortais" e "Maluca Paixão"

Vou dar uma pequena (bem pequena) pausa nos posts sobre Itacaré, afinal esse blog também fala de cinema e livros, né?!
Nesse começo de ano ainda não tive muita sorte nos filmes que escolhi para assistir.
O primeiro foi "Imortais", no cinema...


A história acontece na "Grécia, 1228 A.C. O rei Hiperion (Mickey Rourke) está em busca do arco de Épiro, uma poderosa arma que pode matar até mesmo deuses. Para encontrá-lo ele conduz seu exército a todos os vilarejos, deixando um rastro de destruição. Theseus (Henry Cavill) vive tranquilamente em uma pequena vila encravada na montanha, ao lado da mãe e de um senhor (John Hurt) que é seu tutor desde quando era criança. O que Theseus não sabia era que o velho na verdade era Zeus (Luke Evans), o rei dos deuses, que vinha à Terra sob a forma humana por acreditar em seu potencial. Quando as tropas de Hiperion chegam à vila elas matam a mãe de Theseus e o capturam. No cativeiro ele está entregue à morte, mas recebe apoio de Phaedra (Freida Pinto), uma vidente que também está presa e teve uma visão em que Theseus emçunha o cobiçado arco de Épiro." (Fonte: Adoro Cinema)
A história não é ruim, mas aos poucos vai perdendo a ação ou ela perde a graça, não sei bem como explicar. Na verdade, as opiniões sobre o filme estão bem divididas. Há quem adorou e quem odiou. Mas, para a mulherada que quer ver só homem sarado é perfeito! Até os feios são bonitos. rsss


E para quem quer matar a saudade do Kellan Lutz... ele é um dos deuses.

Depois assisti "Maluca Paixão", que no original chama-se "All about Steve", com os atores Sandra Bullock, Thomas Haden Church, Bradley Cooper, Ken Jeong.


É uma comédia não tão engraçada quanto imaginei ao ler a sinopse.
"Mary Horowitz (Sandra Bullock) é uma mulher excêntrica que trabalha criando palavras cruzadas. Ela está convencida que Steve (Bradley Cooper), um cinegrafista da CNN, é o grande amor de sua vida. Para tanto passa a persegui-lo ao redor do país, na esperança de convencê-lo de que foram feitos um para o outro." (Fonte: Adoro Cinema)
Ela passa o filme comparando a vida às palavras cruzadas, o que é bem interessante para refletir, e atrás de Steve. Durante a sua perseguição ela se mete em várias encrencas e aprende muito também.
Mas é outro filme que eu esperava mais...
Dois estilos diferentes e nenhum me agradou. rss
Acho que estou ficando chata!

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pela visitinha.
Vou adorar um recadinho seu.
Ah, vai... deixa um "oi"! rs
Só clicar aí acima em "postar um comentário".
beijos

Quem passa por aqui!

Por onde passei...


Visualizar Por onde passei... em um mapa maior

  © NOME DO SEU BLOG

Design by Emporium Digital